Sem riscos de acidentes

Um simples erro de manuseio ou falha no sistema não representa mais risco de acidentes nas indústrias. A qualquer sinal de imprecisão, dispositivos de segurança emitem um comando para desligamento do maquinário. Essas tecnologias que permitem vigilância na proteção “homem máquina” tornaram-se obrigatórias com as novas regras da Norma Regulamentadora NR12 do Ministério do Trabalho. A multinacional alemã Semikron, fabricante de semicondutores para eletrônica de potência, já está com parte do maquinário adequado à norma. O fornecimento está sendo feito pela WEG, que desenvolve todos os componentes previstos na NR12, sendo o único fabricante nacional desta linha de produtos.

Mais de vinte máquinas, entre prensas e injetoras, já estão aptas a “travar” em cada situação de risco ao operador na fábrica de Carapicuíba/SP. De acordo com Conceição Aparecida Cruz, técnica de segurança do trabalho da empresa, a implementação do projeto de aplicação dos chamados Equipamentos de Proteção Coletiva (EPC) será realizada em três etapas, sendo que, em cada uma, cerca de dez equipamentos serão adequados. “Solicitamos uma avaliação junto a alguns fornecedores. Além de ser um parceiro antigo pela qualidade reconhecida, a WEG é uma fabricante nacional que ofereceu o pacote mais completo em relação aos dispositivos e categoria exigidos na norma”, afirma.

Cerca de 25% dos mais de 300 funcionários trabalham na área operacional em contato com essas máquinas, que ofereciam potenciais riscos de corte e esmagamento. “Conforme o esperado, os dispositivos diminuíram os riscos de operação.

A mudança reflete também na tranquilidade do trabalhador, que se sente mais seguro ao manusear a máquina”, afirma. Fundada em 1951, a Semikron atua em 35 países. Sua tecnologia pode ser encontrada em metade das instalações de energia eólica em operação no mundo.

 

DISPOSITIVOS DETECTAM SINAIS DO OPERADOR

Os EPCs têm a função de detectar e avaliar os sinais gerados pelo operador no circuito elétrico de comando. De acordo com a avaliação do sinal recebido, o relé de segurança faz com que ocorra a manobra do contator ou disjuntor, desligando o motor da máquina.

Linha Safety da WEG oferece soluções completas para a área de segurança: cortinas de luz de segurança, comandos bimanuais, botoeiras eletrônicas de esforço zero, calços de segurança para prensas, diversos modelos de relés de segurança, sensores magnéticos de segurança, pedais de acionamento eletrônicos, entre outros.

SOLUÇÃO WEG
Cortinas de Luz CSSB25-850;
Relés de Parada de Emergência – CP-D;
- Relés de Simultaneidade CS-D;
Calços de Retenção – CA5090;
- Relé Auxiliar de Segurança – PSS24-42W;
- Chaves Mecânicas de Segurança Linha SKS - WEG;
- Chave Indutiva de Segurança e Atuador – SSL5-40R1P2A+SSL5-40P;
- Botoeiras Ópticas – Soft Switch – SS28-22R1PD2/24;
- Painel de Comando de Segurança.

Outras Novidades e Eventos

01 / 10 / 2018  |  Linha de Redutores e Motorredutores WEG-CESTARI

Conheça a linha de Redutores e Motorredutores WEG-CESTARI
Saiba mais

25 / 09 / 2018  |  Torre de Resfriamento WEG

Saiba mais sobre a Torre de Resfriamento WEG
Saiba mais

05 / 09 / 2018  |  Peças de reposição para redutores WEG-CESTARI

Conheça as peças de reposição para redutores WEG-CESTARI
Saiba mais

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba novidades e promoções da Transmitech Redutores.
Rua Agostinho Camilo de Borba, 125 Bairro Do Parque • Esteio/RS
CEP: 93270-650
Tel.: 51 3473 0721 / 3473 1363

Cel.: 51 98179 5151